Maio 16 2010

Junto ao meu forte, ancorada na Ria, tenho uma Jangada onde a saudade me acompanha sempre que nela viajo.

Estas longas viagens, levam-me aos meus tempos de criança, aos braços da minha saudosa mãe, apertando-me contra o seu peito acolhedor,do meu pai sempre pronto a ajudar e nos proteger, sim porque éramos 4 irmãos e quando aos l4 anos Ela partiu para sempre, o mundo desabou sobre nós, deixando ao meu pai a tarefa de nos orientar nos caminhos da vida.

E este regresso ao passado que a torna pesada,com alguns lampejos de fogazes momentos felizes que se diluem numa vida de trabalho precoce,

aos 12 anos, terminado  o ensino primário, numa pequena aldeia, no Alentejo profundo.

Espero que possa fazer algumas viagens mais, e, não ocorra alguma intempérie que a meta no fundo.

 

 

 

publicado por severino às 21:08

mais sobre mim
Maio 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

19
20
21

23
25
27
28
29

30
31


pesquisar
 
blogs SAPO